Banner Geração Digital

Litteratura - Legatus - Fides

Pouco eu sabia sobre Ariano Suassuna, mas neste domingo assisti uma entrevista, de 2007, na qual ele foi questionado sobre a morte. Pergunta esta, que ele respondeu com o primor de um poeta: 'Literatura (litteratura) é uma forma de protestar contra a morte'.

Poucos dias antes de Ariano Suassuna morrer, a cidade de Campinas perdeu um de seus mais consagrados poetas: Rubem Alves. Eu o conheci já com cabelos brancos, mas ainda jovem e forte, em um lançamento de uma série de livros infantis. Ele foi um dos responsáveis pelo meu fascínio por livros e literatura. Assim que soube de sua morte, confesso que não fiquei tão triste, pois um autor como Rubem Alves protesta contra morte por muitas décadas e até séculos. Autores como Rubem e Ariano tem o poder de causar fascínio mesmo após a morte. Eles continuam ensinando, editando e transformando mentes, por tempo indeterminado.


Eles deixam algo de valor para benefício de outras pessoas. Eles deixam seu legado (legatus). Uma contribuição permanente e possível de ser construída por seres de vidas tão curtas como nós.

Pensando neste tema e nestes dois autores, me lembrei que no meio cristão evangélico, existe um falso dilema ou uma falsa dicotomia, entre a teoria e a prática da vida cristã. Aqueles que escrevem e ensinam sobre fé (Fides) e espiritualidade cristã, são muitas vezes, tachados de teóricos que só sabem falar, mas não praticam as boas obras. Digo, falsa dicotomia, pois escrever e ensinar a fé cristã é uma das práticas(obras) mais importantes, realizadas na história da fé cristã. A própria Bíblia, a Palavra de Deus, foi construída graças a esta prática solitária de muitos autores, inspirados por Deus.

Escrever sobre a fé cristã é, em si, um ato de fé. Nesta escrita está contida a crença de que estas palavras alcançarão e transformarão mentes alheias e desconhecidas, com a poderosa mensagem do Evangelho de Cristo. Mais ainda, está contida nesta escrita, a crença de que estas pueris e falhas palavras, serão usadas pelo Santo Espírito de Deus para propagar o Reino de Deus. Sim! Escrever sobre a fé cristã é uma prática de fé. É a ação de construir um legado, sobre o que nós, cristãos, consideramos O Caminho, a Verdade e a Vida: Cristo Jesus, o verbo encarnado.


“... eu lhes escrevi porque vocês conhecem aquele que é desde o princípio.” 1 João 2:13a

Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário